Esse prato não sairia do forno sem o financiamento de: Tiago Pariz Almeida!
Quer ver seu nome aqui? CLIQUE e saiba como.


Hollywood está chocada, as atrizes e atores estão chocadas e chocados, diretores, fãs de cinema, o mundo está estarrecido! Exigimos que a Academia de cinema faça um discurso forte na próxima cerimônia dos Oscars após a confissão de Bernardo Bertolucci!

Mas Maria Schneider sempre denunciou o caso e nunca foi ouvida, foi descreditada, e nunca mais conseguiu fazer sequer uma cena de nudez por causa do ocorrido. Maria foi violada, negligenciada, ignorada, violentada, estuprada em cena… E por muitos anos essa cena, esse filme, esse diretor, esse ator, foram aplaudidos de pé, e irão continuar sendo.

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Mas continuamos consumindo Woody Allen mesmo com as constantes denúncias de Mia Farrow e sua filha; a filha adotiva de Allen. Filha que ele molestou no sótão da residência deles junto com a outra adotiva dos dois com a qual, pasmem, casou: “Fui paternal”, ele disse em entrevista. Pior, nós homenageamos Allen no Globo de Ouro! Nós não creditamos Mia, não creditamos sua filha…

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Tão chocados que lotamos salas de cinema de Animais Fantásticos e Onde Eles Habitam sem nenhuma empatia por uma mulher que ficou com um celular desenhado em seu rosto após ser agredida por Johnny Depp. Que como prêmio por seu feito foi contratado por uma das franquias mais rentáveis do cinema. E nós vamos lá injetar nosso dinheiro nele! E nós vamos encher as salas do novo Piratas do Caribe!

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Tão chocados que continuamos indo atrás do “genial” Tim Burton, que recentemente declarou não existir racismo no cinema, e que isso é uma coisa do politicamente correto. O mesmo Tim Burton que  depois de dirigir 36 filmes e escrever 14, escalou um homem preto como vilão. Foi o primeiro personagem preto de um filme dele. Mas não, não existe racismo.

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

E é tanto choque que vamos ver todos os filmes de Bryan Singer, aquele dos X-Men, que foi acusado de ter, juntamente com outros executivos, um grupo de pedófilos que drogam e estupram crianças. Sofrendo em 2014 um processo por um caso de estupro coletivo em 1999 que estourou e foi enterrado rapidamente na mesma velocidade que surgiu. Na época o filme X-Men: Dias de Um Futuro Esquecido estava para estrear e a Fox, possivelmente, fez de tudo para abafar o caso (bem como o endinheirado senhor Singer).

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Colocando Olhos Famintos em nossa lista de filmes de terror favoritos, quando o diretor Victor Salva é mais um a ser incriminado por pedofilia envolvendo um ator menor de idade que ele dirigia e ele molestou.

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Bastante, a ponto de continuar aplaudindo de pé e premiando com Oscar o diretor Roman Polanski, que sequer pode pisar nos Estados Unidos senão vai preso por pedofilia. “Ai, O Pianista é um filme lindo lindo”: vai falar isso para Samantha Geimer, que aos 13 anos foi drogada, alcoolizada e estuprada via oral, vaginal e anal por ele. Fato ocorrido em 1977, Oscar recebido sem a presença dele em 2002.

Se eu tivesse matado alguém, isso não seria tão apelativo para a imprensa, sabe? Mas… foder, sabe, e as garotinhas. Os juízes querem foder com garotinhas. Jurados querem foder com garotinhas. Todos querem foder garotinhas!

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Chocados diariamente quando consumimos o também premiado com o Oscar Eminem e suas músicas/improvisos sobre espancamento de mulheres e não damos a mínima para isso:

Vadia, eu vou socar a Lana Del Rey bem no rosto duas vezes, que nem o Ray Rice em plena luz do dia, bem à vista da câmera de segurança do elevador, até ela bater a cabeça no corrimão. Depois celebrarei com os Ravens.

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Tão chocados que endeusamos cantores com letras absurdamente machistas e violentas como Chico Buarque de Holanda, “aquele lindo” (e sua desculpa do eu lírico, né?), mesmo com uma quantidade infinita de outros artistas de tamanha qualidade sem essa problemática em suas letras. “Ele queria driblar a Ditadura e sua censura”, e escolheu justamente a violência contra a mulher para fazê-lo? Poético.

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Estarrecidos assistindo seriados machistas, homofóbicos, transfóbicos e gordofóbicos como: Friends, That ’70s Show e How I Met Your Mother todos os dias no almoço, no meio da tarde e na janta.

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Rindo de todas as categorias de minorias que Adam Sandler ofende em seus filmes de extremo mau gosto; agora na Netflix que fez o favor pro mundo de o contratar. Mas é só humor, né? Pois Rose McGowan fez denúncias sobre as exigências do ator de como as atrizes deveriam estar trajadas para a seleção de seus filmes:

Por favor, certifique-se de ler o script em anexo antes de vir para entender o contexto das cenas. – Nota de figurino: Preto (ou escuro) top justo que mostre o decote (sutiãs que levantam os seios são incentivados). E leggings justas ou jeans. Nada branco.

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Chocados e consumindo produtos produzidos por Chris Rock, um dos comediantes mais machistas do mercado estadunidense, que hiperssexualiza mulheres do mundo todo e disse que o único motivo para se vir no Brasil é a bunda das mulheres daqui.

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Vestidos de Hugo Boss, o mesmo que desenhou os uniformes da Alemanha Nazista e escravizou em sua fábrica 140 poloneses e 40 franceses. Hugo Boss, um Nazista fiel.

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Louvando a história da estilista nazista Coco Chanel, que trabalhou de espiã para Hitler segundo documentos da inteligência francesa e que hoje perfuma o mundo todo com o conhecido nº 5, além de ser admirada por outros tantos feitos como seu corte/costura (a humanidade agradece!).

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Ouvindo Metallica, a banda cujo vocalista caça animais selvagens por puro prazer e ironiza criticas recebidas fazendo vídeo em que justifica sua estupidez argumentando que em outros locais também se pratica estupidez.

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Fazendo cosplay com black face e tentando justificar o injustificável.

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Frequentando em Porto Alegre o Pinguim, mesmo depois de tantas denúncias de machismo, homofobia, transfobia e outras tantas violências ocorridas naquele bar.

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Votando pra Presidente no candidato que soca a esposa no rosto (com várias testemunhas) pelo simples fato de não gostarmos do PT: “Tem que separar o candidato da pessoa”, não tem não.

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Tão chocados que tratamos como santo um homem que molestava meninas menores de idade pra testar sua capacidade de não incorrer no pecado da carne, incluindo sua sobrinha neta. Gandhi, o homem das frases de capa de Facebook, era também racista além de misógino, e dizia que africanos não eram humanos.

E NÓS ESTAMOS CHOCADOS!

Beatificando uma mulher que construiu um galpão que mais parecia um campo de concentração, e lá ela supostamente cuidava de doentes, e lá ela supostamente fazia o serviço de deus, mas lá ela mesma dizia que sua função era tratar de trazer fama para igreja Católica. Teresa era a marqueteira da igreja Católica (isso mesmo, aceita) e fazia isso se aproveitando de pessoas humildes. Enquanto ela andava de helicóptero, as pessoas que lá estavam morriam a míngua buscando pela santa Madre Teresa ao invés de um hospital para se tratar, deitadas no chão, sem higiene adequada, sem comida, sem curativos, sem água… E nós compartilhamos suas falas, seus supostos feitos sacrossantos e sua imagem.

E NÓS ESTAMOS EM CHOQUE!

Mas em choque mesmo devem ficar as vítimas do que nós consumimos, sejam essas vítimas resultado de um processo direto ou indireto. E nós ainda culpabilizamos elas. E nós deixamos elas caírem no esquecimento. E nós aplaudimos seus algozes.

Achou nossa mensagem importante e quer que ela chegue em mais pessoas? Ajude o Fast Food Cultural a crescer, seja um financiador! Você pode contribuir com o projeto através do Patreon ou Apoia.se, acesse os links, confira nosso vídeo, nossos objetivos, leia outros textos nossos e faça parte da nossa família.