Esse prato não sairia do forno sem o financiamento de: Tiago Pariz Almeida!
Quer ver seu nome aqui? CLIQUE e saiba como.


A vida de ciclista na capital dos gaúchos não é uma coisa fácil, é muito sofrida e perigosa, mesmo quando usamos o local reservado ao condutor de bike. O trânsito é violento, não há muito respeito por parte dos motoristas e nem do poder público, ou seja, é quase um faroeste de carros vs magrelas.

Li um tempo passado uma reportagem no The Guardian que listava as piores ciclovias do mundo, mas acredite, temos como fazer um galeria quase pior, e só de uma cidade: A nossa Mui Valorosa “Carrocentrista” e amada Porto Alegre. Um case de sucesso, do que não fazer.

 

 

Um passeio na Ciclovia da Restinga, um bairro afastado 20km do centro da cidade, onde nem a imprensa costuma ir.

 

Achou nossa mensagem importante e quer que ela chegue em mais pessoas? Ajude o Fast Food Cultural a crescer, seja um financiador! Você pode contribuir com o projeto através do Patreon ou Apoia.se, acesse os links, confira nosso vídeo, nossos objetivos, leia outros textos nossos e faça parte da nossa família.