Esse prato não sairia do forno sem o financiamento de: Tiago Pariz Almeida!
Quer ver seu nome aqui? CLIQUE e saiba como.


Desde que Daniel Craig assumiu a franquia, com a promessa de mudança de postura da MGM no trato com o espião, o que temos tido é a ressurreição de um dos personagens mais fodas dos filmes de ação, consequentemente os filmes tem rendido mais, chamando a atenção, inclusive, em premiações (coisa que há muito tempo não ocorria). 007 estava virando um carnaval de efeitos especiais atirados em cima de roteiros fraquíssimos, o que é absurdo, haja vista que os livros já estão brilhantemente escritos por Ian Fleming e bastava ir lá e filmar. Hoje temos filmes tão bons quanto os da época de Sean Connery, ou até melhores, felizmente.

SPECTRE já entra na fila para ser um dos melhores filmes da franquia, senão o melhor, pois o filme tratará da facção mais clássica a confrontar o espião, com um dos vilões mais conhecidos do mundo do cinema, e isso depois de uma briga judicial homérica por direitos autorais, que finalmente acabou. Além do mais, o filme deve servir como gancho para a expansão da entidade dentro do universo atual do espião, e podemos ter o regresso de diversos vilões tão clássicos quanto o chefe da SPECTRE, Ernst Stavro Blofeld (o cara do gatinho), como é o caso de Dr. No, Jaws, e tantos outros. Sou apaixonado pela série e aguardo ansioso por mais um episódio. E que Craig continue no papel por muito tempo.

 

Achou nossa mensagem importante e quer que ela chegue em mais pessoas? Ajude o Fast Food Cultural a crescer, seja um financiador! Você pode contribuir com o projeto através do Patreon ou Apoia.se, acesse os links, confira nosso vídeo, nossos objetivos, leia outros textos nossos e faça parte da nossa família.